Cookies e Política de Privacidade
A SIGNIS Agência de Notícias utiliza cookies para personalizar conteúdos e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Santo Antônio de Lisboa (13 de junho)

Há 23 dias
Santo Antônio de Lisboa (13 de junho)

Nasceu em Lisboa em 1195 e com 36 anos de idade morreu em Pádua, Itália em 1231; daí a razão de ser chamado Santo Antonio de Lisboa ou de Pádua. Seu nome de batismo foi Fernando de Bulhões Y Taveira de Azevedo. Mas assumiu o novo nome ao ingressar da Ordem dos Cônegos Regulares de Santo Agostinho, mas pouco após ser ordenado, seu convento deu pousada a uns frades franciscanos que estavam de passagem, conversou longamente com eles e se encantou com o carisma deles e em seguida pediu ingresso na congregação.
Pediu para pregar o Evangelho aos mouros, em Marrocos, onde alguns franciscanos já haviam sido martirizados, mas assim que lá chegou adquiriu uma grave enfermidade e teve que retornar para a Europa. Desembarcou na Sicília e tomou o rumo de Assis para ir se encontrar com São Francisco. Sendo ele profundo teólogo, foi o primeiro professor de teologia da ordem e o fundador o designou para lecionar esta disciplina em Bologna.
Depois, como pregador popular andou pela Itália e França. Em 1121, na Assembléia Geral dos Franciscanos, chamada Capítulo das Esteiras, pois os frades, em número de 5.000 dormiam em esteiras, ao relento, foi eleito Provincial para o Norte da Itália, onde permaneceu até sua morte em 13 de junho de 1231. Sua fama de santidade foi tão grande que 10 meses depois era canonizado e mais tarde recebeu da Igreja o título de Doutor.
Santo Antonio de Lisboa e Pádua, rogai por nós!

Sobre o autor

Raul Ribas

Pós-graduado em Teologia pela Universidade Católica Dom Bosco, de Campo Grande (MS), membro do Movimento dos Focolares e um entusiasta pesquisador e divulgador da vida dos santos.

Mais lidas