Cookies e Política de Privacidade
A SIGNIS Agência de Notícias utiliza cookies para personalizar conteúdos e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

São Roque Gonzáles e companheiros (19 de novembro)

Há 21 dias
São Roque Gonzáles e companheiros (19 de novembro)

Veneramos hoje santos de nossa terra, glória do nosso solo, exemplos de nossa casa! São os missionários Jesuítas Roque González, Afonso Rodrigues e João de Castilho.
Roque Gonzáles nasceu em Assunção do Paraguai em 1576. Ordenado padre aos 22 anos, quis se dedicar aos índios guaranis que sofriam uma exploração indigna e desumana por parte dos brancos. Sua primeira destinação foi junto aos índios ervateiros na serra do Maracaju ao norte de Assunção, onde seu ministério teve boa aceitação porque unia o exemplo heróico da caridade e justiça à doutrina ensinada.
Voltando a Assunção exerceu por breve período a função de cura da Catedral e tão logo que possível retornou ao trabalho missionário ao lado do experiente padre Vicente Griffi, designados para uma das tarefas mais difíceis e perigosas: a de pacificação dos belicosos guaicurus do Chaco, que por 70 anos foram o terror de Assunção. Para isso se dedicou a aprender a lidar com a lavoura, manejar os bois, o arado, lavrar a terra, a fim de tudo ensinar aos índios. Convenceu-os a deixar a vida seminômade e a se unirem em aldeias, desenvolvendo o cultivo comunitário da terra, não mais se subtraindo à exploração dos Espanhóis.
Destinado à missão de Santo Inácio, em Guaçu, transformou-a em redução exemplar. Fundou em seguida as reduções de Conceição do Uruguai, de Porto Xavier e entrando em solo gaúcho fundou São Nicolau, que ficou o centro administrativo das missões. Subiu o rio Ibicuí e perto de Santa Maria formou a redução de São Martinho. Retornou a São Nicolau e deu início à redução de Caaró, onde em 15/11/1628 foi martirizado, com seus companheiros por índios.
As reduções guaranis eram modelo arrojado de evangelização e aculturação dos índios.
Os três foram canonizados no dia 16/05/1988 pelo Papa João Paulo II em sua visita a Assunção.
Santos Roque González, Afonso Rodrigues e João de Castilho, roguem por nós!

Sobre o autor

Raul Ribas

Pós-graduado em Teologia pela Universidade Católica Dom Bosco, de Campo Grande (MS), membro do Movimento dos Focolares e um entusiasta pesquisador e divulgador da vida dos santos.

Mais lidas