Cookies e Política de Privacidade
A SIGNIS Agência de Notícias utiliza cookies para personalizar conteúdos e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Santo Ildefonso (23 de janeiro)

Há 13 dias
Santo Ildefonso (23 de janeiro)

Ildefonso foi abade beneditino e depois bispo zeloso e vigilante, sempre ”pronto para a batalha” (significado do seu nome) contra o mal em favor do Reino de Deus.

Homem de alta estatura e enorme cultura, entrou cedo no mosteiro beneditino e tendo morrido o arcebispo de Toledo, em 657, foi escolhido para sucedê-lo. Toledo era capital e principal cidade da Espanha, onde ficou por 10 anos.

Escreveu diversas obras: Sobre o Batismo, no qual faz importante exposição da doutrina do sacramento, sobre o catecumenato e sobre o rito batismal.  Sobre “O progresso espiritual”, uma catequese pós batismal para a educação permanente na fé. Mas sua obra prima é “A perpétua Virgindade de Maria”, livro de caráter dogmático e apologético que defendia a virgindade de Maria contra as heresias e foi base de toda literatura mariana durante a Idade Média.

Como teólogo, Ildefonso pertence ao patrimônio doutrinal dos grandes padres da Igreja, como Jerônimo, Agostinho e Gregório Magno. Faleceu em 667 e foi sepultado na basílica de Santa Leocádia, padroeira da cidade. Sobre sua tumba foram colocadas estas palavras: “Tocha acesa, âncora da fé”.

Santo Ildefonso rogai por nós

Sobre o autor

Raul Ribas

Pós-graduado em Teologia pela Universidade Católica Dom Bosco, de Campo Grande (MS), membro do Movimento dos Focolares e um entusiasta pesquisador e divulgador da vida dos santos.

Mais lidas